Most Recent

Paulo Câmara: O Brasil necessita de uma Reforma da Previdência
Após a decisão do PSB em não apoiar as reformas que o governo Temer enviou ao Congresso, o governador Paulo Câmara (PSB) também deu seu posicionamento acerca da reforma da Previdência. De acordo com nota divulgada nesta terça-feira (25) pelo gestor, seu pensamento é de que respeita a decisão do partido, mas acredita que um diálogo seria o mais apropriado, porque, segundo ele, o Brasil necessita de uma reforma da Previdência. Ainda de acordo com o texto, uma discussão superficial pode fazer a população pagar o preço por não avaliar corretamente o impacto da ausência dessa reforma para o futuro do Brasil. 

Confira à íntegra a nota enviada pelo governador:

"NOTA - REFORMA DA PREVIDÊNCIA 

"O Brasil necessita de uma Reforma da Previdência, excluindo mudanças que prejudiquem os mais vulneráveis, como os trabalhadores rurais, especialmente os do Nordeste.

Mais uma vez, infelizmente, podemos pagar o preço de uma discussão superficial, que não avalia corretamente o impacto que a ausência dessa  reforma terá sobre o futuro do Brasil.

O Governo não dimensionou corretamente a reação contrária à Reforma, ao enviar uma proposta ao Congresso Nacional antes de estabelecer diálogo com setores importantes da sociedade, que poderiam ter evitado esse desgaste atual.

É verdade que as alterações promovidas pelo Governo na proposta original foram importantes, corrigiram problemas evidentes, mas ainda necessita de mais diálogo.

A decisão do PSB reflete muito essas questões. Respeito a posição tomada pelo partido, mas continuo defendendo a manutenção do diálogo. Por isso, entendo precipitado e discordo do fechamento de questão sobre a votação da Reforma da Previdência.

Insisto: sem diálogo será impossível o Brasil superar os atuais desafios nacionais".


Paulo Câmara 
Governador de Pernambuco"

Wagner Santos terça-feira, 25 de abril de 2017
Dom Fernando Saburido convoca todos para a Greve Geral da próxima sexta (28)
Em protesto contra a Reforma da Previdência e Reforma Trabalhistas, propostas pelo goveno Michel Temer, o arcebispo de Recife e Olinda, Dom Fernando Saburido, usou sua página no Facebook, nesta terça-feira (25), para convocar a todos para participar da greve geral, que está prevista para a próxima sexta-feira (28). 

No vídeo, ele convocou homens e mulheres ‘de boa vontade’ para participar do protesto. Em sua fala, ele defende que os trabalhadores não podem permitir que seus direitos conquistados “arduamente” sejam retirados.



Em Pernambuco, diversas categorias confirmaram a paralisam suas atividades. As informações foram divulgadas no portal da TV Jornal (Recife). 

Confira a lista das categorias que já confirmaram a participação na paralisação em Pernambuco:

Rodoviários,
bancários,
metroviários,
Polícia Civil,
servidores da Assembleia Legislativa de Pernambuco,
Guardas Municipais do Recife,
aeronautas,
servidores administrativos fazendários de Pernambuco,
Federação Nacional dos Petroleiros,
Sindicato dos Correios,
professores da UFPE,
Sindsprev,
e agentes penitenciários.

Wagner Santos
Confira as vagas de emprego para esta segunda-feira (24) na Agência do Trabalho do Paulista
A Agência do Trabalho do Paulista está com disponibilidade de vagas de emprego para motofretista – sete vagas  e vendedor porta a porta – cinco vagas, nesta segunda-feira (24). Para preencher as vagas, é exigido o ensino médio para motofretista, e ensino fundamental, para vendedor porta a porta. 

Os salários não foram informados. Já quem possui algum tipo de deficiência pode disputar uma das quatro oportunidades oferecidas para auxiliar de linha de produção. O candidato precisa ter o ensino fundamental completo.

O salário oferecido é de R$ 1.049,00. Os interessados em concorrer a uma das vagas devem se dirigir à Praça Frederico Lundgren, s/n, centro da cidade. O atendimento ao público acontece de segunda a sexta, das 07h às 13h.

Wagner Santos segunda-feira, 24 de abril de 2017
Nos 300 anos da aparição de Nossa Senhora Aparecida, governador inaugura igreja no Cabo de Santo Agostinho

O governador Paulo Câmara participou, no último sábado (22), da inauguração da Igreja Nossa Senhora Aparecida, no Distrito de Jussaral, no Cabo de Santo Agostinho. A primeira missa no espaço sagrado foi em comemoração aos 300 anos da última aparição de Nossa Senhora Aparecida. A igreja, construída em homenagem à Santa, também recebeu a réplica da imagem da padroeira do Brasil que peregrinou por todas as paróquias da Arquidiocese de Olinda e Recife durante o último ano.

Para o governador Paulo Câmara, a inauguração da igreja será importante para os moradores de Jussaral. "Com certeza, vai marcar a vida de quem mora aqui. Vai ajudar no processo de evangelização, levando a palavra de Cristo para termos um mundo mais justo, com mais paz, amor e união", afirmou. O chefe do Executivo estadual também destacou que, embora o momento pelo qual o País esteja passando seja de dificuldade, momentos como esse ajudam muito. "Saímos daqui hoje com mais energia, mais determinados, com mais vontade de ajudar a população e a trabalhar muito por um Pernambuco melhor", ressaltou.

"É com muita alegria que estivemos, hoje, em Jussaral, para a inauguração desta igreja, que conseguimos edificar com muito esforço. Somos muito gratos a todos que colaboraram, inclusive o governdo do Estado", afirmou o arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, destacando que a igreja será um santuário de Nossa Senhora Aparecida. "Ainda estamos no tempo da Páscoa, então juntar esses dois elementos, a inauguração e a chegada da imagem da padroeira, é uma alegria enorme para esse povo", completou o religioso que nasceu no município.

Presidente da Obra de Maria, Gilberto Barbosa explicou que, durante um ano, a replica da imagem de Nossa Senhora Aparecida percorreu, ao todo, 120 paróquias e capelas da Arquidiocese de Olinda e Recife. “Agora, a Santa encontrou o seu lugar”. Ele conta que a nova igreja, que ficou pronta após um ano de obras, vai dar espaço para mais fiéis. “Tínhamos apenas uma capelinha, mas que não comportava todos os fiéis. Agora, a igreja tem capacidade para mil pessoas”, comemorou Barbosa.

Wagner Santos
Fórum Comunitário de Prevenção à Violência e às Drogas reúne autoridades em Beira Mar
Como parte da programação do Fórum Comunitário de Prevenção à Violência Contra a Juventude e às Drogas, a Secretaria de Segurança Cidadã e Defesa Civil do Paulista realizou, nesta quinta-feira (20), o segundo encontro envolvendo as polícias Civil e Militar, Guarda Municipal e Conselhos Tutelares, além da sociedade civil. A reunião aconteceu na quadra da Escola Municipal Professor Paulo Freire, no bairro no Beira Mar, no bairro do Janga.

O objetivo do evento é discutir o que está sendo feito na cidade para atender às demandas da segurança pública, como as políticas voltadas para esse seguimento que já são realidade no município, como o trabalho integrado entre a secretaria de Segurança Cidadã e os órgãos operativos da SDS, visando garantir esse direito à população. Além disso, os encontros também são voltados para debates em torno do Plano Municipal de Segurança.

De acordo com o secretário da pasta, Manoel Alencar, é de grande importância esse debate que envolve temáticas como a prevenção contra as drogas, o fortalecimento da política para a mulher, para a juventude e a segurança de uma maneira geral.

“É uma determinação do prefeito que a gente discuta essas políticas municipais para essas áreas onde existe o maior número de violência, mesmo sabendo que a segurança pública é um dever do estado, e um direito e responsabilidade de todos nós, então, o município fecha nessa questão de segurança para tentar minimizar e transferir uma maior carga de sensação de segurança para as pessoas”, explicou Alencar.

Representando a Polícia Militar, o Capitão Manassés Ferreira, do 17º BPM, também compôs a mesa. “Participar desse fórum é muito importante para a população, junto com as autoridades, pois se trata de discutir os problemas que vêm afligindo a sociedade”, disse o policial.

Além dele, também esteve na mesa de discussões, a delegada Conceição Tavares, que também ressaltou a importância da Polícia Civil participar do evento. “É muito importante pra gente valorizar essa iniciativa de prevenção, que é a ideia do fórum de prevenir a violência contra a juventude em relação às drogas, para que tenha de haver menos intervenção nossa nessa situação, principalmente com relação aos jovens”, disse ela.  
 O conselheiro tutelar Reginaldo Florêncio Junior, foi um dos que participaram do encontro. Para ele, o Fórum é um instrumento muito importante, não somente para Paulista, como para todo Estado de Pernambuco. “Num momento tão difícil que o Estado está passando, esse é um meio de a sociedade chegar mais próximo do gestor e pode opinar sobre a questão da segurança”, declarou.

Além desse encontro, ainda estão programados outros quatro, são eles:

Dia 28/04/2017 - Paratibe;
Dia 05/05/2017 - Maranguape II;
Dia 12/05/2017 – Jardim Paulista;
Dia 30/05/2017 – Fórum Municipal de Consolidação – no Nobre.

Wagner Santos quinta-feira, 20 de abril de 2017
MP da proteção ao emprego é aprovada dispensando regularidade fiscal

As empresas que aderirem ao programa de proteção ao emprego, chamado agora de Programa de Seguro-Emprego (PSE), estão dispensadas de estar em dia com o pagamento de impostos e do recolhimento do FGTS e da contribuição previdenciária. A decisão de eliminar a certidão negativa, que facilitará e ampliará as adesões ao PSE, é do relator da Medida Provisória (MP) que muda e prorroga o Programa, senador Armando Monteiro (PTB-PE), cujo parecer foi aprovado nesta terça-feira (18) na Comissão Mista que examina a MP. O parecer segue agora à votação, em separado, dos plenários da Câmara dos Deputados e do Senado.

A MP 761, editada em 22 de dezembro de 2016, permite a compensação, pelo governo, de 50% da redução temporária dos salários e exigia a regularidade fiscal, previdenciária e com o FGTS para que a empresa pudesse ingressar e permanecer no PSE. A exigência foi abolida por três emendas de parlamentares e por sugestão do Ministério do Trabalho, gestor do programa, aceitas por Armando.

“O PSE contém o desemprego. É vantajoso para o trabalhador por preservar seu emprego e manter a maior parte da sua renda; reduz momentaneamente, para a empresa, o custo total da mão de obra e evita os elevados custos com demissões, e atenua as perdas fiscais do governo. Dessa forma, o ônus da crise econômica pela redução da demanda é compartilhado entre todos os agentes econômicos”, salientou Armando.

Princípios mantidos - O senador pernambucano assegurou, no seu parecer, que a retirada da exigência de certidão negativa não fere os princípios da responsabilidade fiscal. “Pelo contrário: impedir que trabalhadores de empresas em dificuldades tenham a oportunidade de manter seus empregos pelo fato do empregador não poder aderir ao PSE por não estar regularizado temporariamente com os impostos, Previdência e FGTS é que será, sim, ferir os princípios de regularidade fiscal e, com certeza, de justiça, equidade, razoabilidade e isonomia”, acrescentou.

Armando enfatizou que a certidão negativa é dispensada em outro programa governamental de proteção ao emprego, o Bolsa Qualificação Profissional, e nas empresas em recuperação judicial que ingressam no PSE. “Não há motivo para não se estender a possibilidade também às empresas que nem chegaram ainda a tal situação extrema de dificuldade econômico-financeira, que é a recuperação judicial”, pontuou. Outras mudanças na MP acatadas pelo senador pernambucano acrescentam nas prioridades de adesão ao PSE as empresas que empregam ex-presidiários e abrem exceção, na proibição de novas contratações durante a permanência no programa, a quem empregar idosos.

Pela MP 761, se, por exemplo, um trabalhador que ganha R$ 2.000 mensais passar a receber R$ 1.400 por diminuição de 30% da jornada e de salário, terá do governo R$ 300 por mês, oriundos do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador), passando a perceber, portanto, R$ 1.700, com perda menor de renda. Pelas novas regras fixadas na MP 761, terão prioridade as micro e pequenas empresas. O Ministério do Trabalho só aceitará a adesão da empresa que celebrar acordo coletivo de trabalho com este fim.

Foto: Ana Luisa Souza/Divulgação

Wagner Santos terça-feira, 18 de abril de 2017
Em meio a entrave judicial, Paulista realiza força-tarefa para normalizar coleta de lixo


Por conta de um entrave entre a empresa contratada pelo município e a Justiça, o serviço de coleta de lixo em Paulista ficou comprometido por alguns dias. Graças a uma liminar, a Secretaria de Serviços Públicos conseguiu autorização para continuar o trabalho de remoção na cidade. Nesta terça-feira (18), gestores da prefeitura e da empresa responsável pelo recolhimento do lixo estiveram reunidos para montar uma verdadeira força-tarefa de coleta de resíduos em diversos pontos do município.

A ação teve início nesta manhã, na comunidade do Riacho de Prata, em Maranguape 2. No local, os funcionários da Secretaria de Serviços Públicos eliminaram um ponto crítico de lixo localizado na Rua Vinícius de Morais, próximo à Creche Nossa Prata. 
    
A força-tarefa conta com o apoio de oito caminhões caçamba, três máquinas do tipo retroescavadeiras, além dos 14 caminhões compactadores que já operam na cidade. A expectativa é de que as equipes recolham mais de 1,6 mil tonelada de lixo ao longo da semana. Normalmente, o município produz 270 toneladas por dia.

O secretário de Serviços Públicos, Jaime Domingos, esclareceu que o reforço na coleta de lixo faz parte de uma medida emergencial. “Estamos usando nossos caminhões e máquinas para esta grande ação por conta do acúmulo de lixo em alguns pontos da cidade. Temos que manter o município limpo. Mas, é valido salientar, que esses equipamentos precisam voltar para a sua atividade fim, pois, com esse redirecionamento, a gente deixa de fazer alguma outra atividade importante. É por isso que está ação não pode durar por muito tempo, para não prejudicar outros serviços de manutenção da cidade”, disse.

Além de contemplar a comunidade do Riacho de Prata, a ação vai beneficiar outras áreas importantes, a exemplo do Engenho Maranguape, Pau Amarelo, Conceição. Em paralelo ao trabalho de remoção do lixo, equipes da Diretoria de Limpeza Urbana estarão nos bairros para mapear os pontos críticos. A ideia é de que as localidades também sejam visitadas nos próximos dias.    

Wagner Santos
Governo de Pernambuco convoca 1.322 aprovados no concurso da PM para curso de formação
O governador Paulo Câmara determinou a  convocação imediata de 1.322 candidatos aprovados no concurso público para Soldados da Polícia Militar de Pernambuco, para matrícula no Curso de Formação e Habilitação de Praças da Polícia Militar. Participam dessa etapa os candidatos aprovados no exame de habilidades e conhecimentos, de aptidão física, avaliação psicológica e julgados aptos nos exames médicos.

O chamamento foi publicado nesta terça-feira, 18 de abril, no Diário Oficial (DO), pela portaria conjunta assinada pelos secretários Milton Coelho (SAD) e Ângelo Gioia (SDS). Também consta a lista completa dos convocados, que pode ser conferida através do link: 


Cada candidato deverá apresentar, no período de 02 de maio a 02 de junho de 2017, a documentação prevista no Edital e protocolá-la no Campus de Ensino Mata, localizado na BR 408, Km 76,5, Paudalho/ PE, das 08 às 12 horas, que será analisada para confirmação das matrículas e início do curso de formação. 

Após a conclusão do curso na Academia de Paudalho, os novos Praças entrarão em serviço até dezembro deste ano.

Wagner Santos
Secretaria de Serviços Públicos de Paulista realiza intervenção no Canal do Cajueiro, no Janga
Os moradores da Rua Olinda, no bairro do Janga, acordaram nesta segunda-feira (17) com o barulho das máquinas trabalhando na localidade. Funcionários da Secretaria de Serviços Públicos estão usando uma PC para desobstruir o leito do Canal do Cajueiro – que corta a comunidade – e dar vazão a água que em tempo de chuva provoca alagamentos. A iniciativa também contempla a troca de manilhas. Ao todo, 20 delas de 60 cm serão implantadas no local.

Um dos moradores da localidade, o vendedor Edson Honorato, ficou feliz com o início da intervenção. "Já passamos por muita coisa aqui nessa comunidade. Para se ter uma ideia, bastava ficar nublado pra gente começar a ficar preocupado por conta do alagamento. Mas, graças a Deus, essa gestão tem pessoas comprometidas com o povo. Disseram que iriam fazer o serviço aqui, e hoje estão trabalhando. Estamos felizes por isso", frisou o jovem de 36 anos.

O secretário executivo de Serviços Públicos do Paulista, Jaime Domingos, ressaltou que essa intervenção faz arte de uma ação maior que está sendo executada desde o mês de março. "Estamos seguindo com o cronograma da Operação Canal Limpo. Já beneficiamos diversos bairros da cidade. Aqui, na comunidade do Cajueiro, a situação é pouco diferente porque exige a troca de manilhas, mas será feito. Esse é o nosso compromisso", frisou. 


Fotos: Jorge Macrino/Prefeitura do Paulista

Wagner Santos segunda-feira, 17 de abril de 2017
Dois deslizamentos de barreiras são registrados em Paulista

A Secretaria de Segurança Cidadã e Defesa Civil do Paulista divulgou, no final da tarde desta quinta-feira (13), o balanço das chuvas registradas nas últimas 12 horas. Segundo o órgão, foram registradas em média uma precipitação pluviométrica de 65 milímetros sobre o município. 

Neste intervalo, foram registrados dois deslizamentos de barreiras: Na Rua Esperança, bairro da Mirueira e outro deslizamento, provocado por uma construção irregular, na Rua Sabugi, no Nobre, onde foi preciso interditar a rua.

Nos dois casos foram registrados apenas danos materiais, sem vítimas. Os moradores da área foram encaminhados para casas de familiares e será avaliada a possibilidade de serem atendidos pelo Auxilio Moradia.

Ainda de acordo com o órgão, foram recebidos  nesse intervalo 20 chamadas, a maioria para recolocação de lonas.


Wagner Santos quinta-feira, 13 de abril de 2017
Vigilância Sanitária do Paulista apreende cerca de 45kg de peixes impróprios para o consumo

A manhã desta Quinta-feira Santa (13.04) foi de muita chuva no município do Paulista. Apesar disso, a equipe de Vigilância Sanitária da cidade trabalhou atentamente para que a população não fique exposta a riscos e descuidos na hora da compra do peixe. Só no dia de hoje foram apreendidos, na Feira Livre do Centro da cidade, 45kg de peixes estragados e mais 15kg de camarão.

A ação, que terá continuidade nesta sexta-feira (14.04), também foi realizada no Mercado Público de Paratibe. No local, foram apreendidos apenas alguns produtos artesanais, como tábuas de carne e descamadores, que estavam sendo usados de maneira irregular. De acordo com a diretora de Vigilância Sanitária do Paulista, Edileuza Maria de Jesus,  é essencial que esse trabalho seja realizado.

"Mesmo essa ação sendo feita todos os anos na cidade, como uma forma de alerta e prevenção, uma grande quantidade de peixes estragados foi apreendida. Alguns comerciantes tentam vender produtos bons, misturados com produtos ruins, sem que o consumidor perceba, e isso é muito grave para a saúde da população. Estamos aqui atentos para que essas coisas não passem batido", ressaltou.

Durante o trabalho alguns estabelecimentos também foram notificados. Ao todo, cerca de 50 inspeções foram realizadas envolvendo o comércio formal e informal. A iniciativa contou com o apoio da Polícia Militar. 

Wagner Santos
https://syndication.exdynsrv.com/splash.php?idzone=2574917