Presidente turco recebe menina síria que descreveu inferno de Aleppo no Twitter

A menina síria Bana Al-Abed, que atraiu a atenção do mundo com seus tuítes descrevendo o inferno diário que vivia em Aleppo (norte da Síria), foi recebida nesta quarta-feira com a família pelo presidente turco, Recep Tayyip Erdogan. “Nossa menina de Aleppo, Bana Al Abed, e sua família nos deram a alegria de nos visitar no palácio presidencial”, declarou Erdogan em seu Twitter, compartilhando fotos com a menina sentada em seu colo.

 “A Turquia estará sempre com seus irmãos sírios”, disse ele na rede social que tornou famosa Bana, de sete anos de idade, evacuada de Aleppo na semana passada graças a um acordo de cessar-fogo. A trégua foi negociada por Ancara e Moscou, cujo embaixador na Turquia foi morto na segunda-feira por um policial turco que disse agir em vingança à tragédia de Aleppo, prestes a ser tomada completamente pelo governo sírio, com o apoio russo.

Desde setembro, Bana Al Abed (@AlabedBana) tuítava com sua mãe passagens da vida na zona leste de Aleppo, sitiada e bombardeada pelo regime. A sua conta é seguida por mais de 352.000 pessoas. “Muito prazer em conhecer o senhor Erdogan”, tuítou a menina nesta quarta-feira.

Turquia abriga cerca de 2,7 milhões de refugiados sírios, mas disse que prefere auxiliar os deslocados do outro lado de suas fronteiras com a Síria. Ancara apoia os rebeldes que tentam derrubar o presidente sírio, Bashar al-Assad, em um conflito que já causou mais de 310.000 mortos e milhões de deslocados desde março de 2011.

Nenhum comentário

https://syndication.exdynsrv.com/splash.php?idzone=2574917